segunda-feira, 8 de março de 2010

Oscar 2010 - Vencedores


Guerra ao Terror, filme ainda desconhecido para muitos, foi o grande vencedor da noite do Oscar ontem. A produção faturou 6 dos 9 prêmios que estava concorrendo e deixou para trás Avatar que ganhou apenas 3 estatuetas. A diretora Kathryn Bigelow, também pouco conhecida por seu trabalho, se tornou a primeira mulher da história a ganhar um Oscar de melhor direção por Guerra ao Terror. O longa também foi eleito o melhor filme, melhor roteiro original (surpresa), melhor montagem, melhor edição de som, melhor mixagem de som. Avatar, que foi motivo de diversas brincadeiras (entre elas a do ator Bem Stiller, que se maquiou de nativo Na’vi para apresentar o prêmio de melhor maquiagem) ficou com as estatuetas de melhor direção de arte, melhor fotografia e melhores efeitos visuais. As grandes surpresas da noite foram, além de roteiro original que deixou Tarantino novamente de mãos abanando, nas categorias de roteiro adaptado com a vitória de Preciosa e na de filme estrangeiro com a consagração da produção argentina O Segredo dos seus Olhos, deixando para trás o favoritíssimo A Fita Branca. Nas categorias de atuação tudo saiu como o previsto e Sandra Bullock (Um Sonho Possível) e Jeff Bridges (Coração Louco) foram escolhidos, respectivamente, melhor atriz e melhor ator. Mo’Nique (Preciosa) e Cristoph Waltz (Bastardos Inlgórios) foram melhor atriz e melhor ator coadjuvantes.

                                                      Bigelow ganhou por melhor filme e direção

                A cerimônia durou cerca de 4 horas. A cada intervalo as 10 produções que concorriam ao prêmio de melhor filme eram apresentadas por diferentes atores. Também houve espaço para diversas piadas e para homenagens ao diretor e roteirista de comédias de filmes que tratavam principalmente da adolescência, John Hughes (Curtindo a Vida Adoidado e Esqueceram de Mim) que morreu no ano passado. Os filmes de terror também receberam uma homenagem em um vídeo com as cenas assustadoras mais famosas no cinema. 

                                     
                                              Jeff Bridges e Sandra Bullock foram aplaudidos de pé nas suas premiações

                Os críticos de cinema viram a vitória de Guerra ao Terror como um “tiro no pé” de Hollywood já que mais uma vez a Academia consagra uma produção independente sem apelo popular. Porém, outros viram a premiação como um espaço cada vez mais aberto às novas produções que recebem pouco apoio da indústria de cinema norte-americana. O ponto de vista ideológico que traz uma crítica velada à guerra também se torna freqüente, embora seja tratado de maneira um pouco diferente na produção. Acredito que a premiação foi justa e o melhor venceu. Avatar tem seus méritos, mas Guerra ao Terror me pareceu uma produção muito mais madura e que pouco se preocupou com a parte comercial.


Melhor filme
“Avatar”
“The Blind Sinde”
“Distrito 9″
“Educação”
“Guerra ao Teror” – VENCEDOR“Bastados Ingflórios”
“Preciosa”
“Um Homem Sério”
“Up – Altas Aventuras”
“Amor Sem Escalas”
Melhor diretor
James Cameron, “Avatar”
Kathryn Bigelow, “Guerra ao Terror” – VENCEDORQuentin Tarantino, “Bastardos Inglórios”
Lee Daniels, “Preciosa”
Jason Reitman, “Amor Sem Escalas”
Melhor ator
Jeff Bridges, “Crazy Heart” VENCEDORGeorge Clooney, “Amor Sem Escalas”
Colin Firth, “A Single Man”
Morgan Freeman, “Invictus”
Jeremy Rennet, “Guerra ao Terror”
Melhor atriz
Sandra Bullock, “The Blind Side” VENCEDOR
Helen Mirren, “The Last Station”
Carey Mulligan, “Educação”
Gabourey Sidibe, “Preciosa”
Meryl Streep, “Julie & Julia”
Melhor ator coadjuvante
Matt Damon, “Invictus”
Woody Harrelson, “The Messenger”
Christopher Plummer, “The Last Station”
Stanley Tucci, “Um Olhar do Paraíso”
Christoph Waltz, “Bastardos Inglórios- VENCEDOR
Melhor atriz coadjuvante
Penelope Cruz, “Nine”
Vera Farmiga, “Amor Sem Escalas”
Maggi, “Crazy Heart”
Anna Kendrick, “Amor Sem Escalas”
Mo’Nique, “Preciosa” - VENCEDOR
Melhor animação
“O Fantástico Sr. Raposo”
“Coraline e o Mundo Secreto”
“Up – Altas Aventuras” - VENCEDOR“A Princesa e o Sapo”
“The Secret of Kells”
Melhor roteiro original
Guerra ao Terror” - VENCEDOR“Bastardos Inglórios”
“The Messenger”
“Um Homem Sério”
“Up – Altas Aventuras”
Melhor roteiro adaptado
“Distrito 9″
“Educação”
“In the Loop”
“Preciosa” - VENCEDOR
“Amor Sem Escalas”
Melhor filme estrangeiro
“Teta Assustada”, Peru
“A Fita Branca”, Alemanha
“O Profeta”, França
“Ajami”, Israel
“O Segredo de Seus Olhos”, Argentina - VENCEDOR
Melhor direção de arte
“Avatar” - VENCEDOR“O Imaginário do Dr. Parnassus”
“Nine”
“Sherlock Holmes”
“A Jovem Victoria”
Melhor fotografia
“Avatar” - VENCEDOR
“Harry Potter e o Enigma do Príncipe”
“Guerra ao Terror”
“Bastardos Inglórios”
“A Fita Branca”
Melhor figurino
“Brilho de uma Paixão”
“Coco Antes de Chanel”
“O Imaginário do Dr. Parnassus”
“Nine”
“A Jovem Victoria” - VENCEDOR
Melhor edição
“Avatar”
“Distrito 9″
“Guerra ao Terror” - VENCEDOR“Bastardos Inglórios”
“Preciosa”
Melhor maquiagem
“Il Divo”
“Star Trek” - VENCEDOR
“A Jovem Victoria”
Melhor trilha sonora
“Avatar”
“O Fantástico Sr. Raposo”
“Guerra ao Terror”
“Sherlock Holmes”
“Up – Altas Aventuras” - VENCEDOR
Melhor canção original
“A Princesa e o Sapo”, com “Almost There”
“A Princesa e o Sapo”, com “Down in New Orleans”
“Paris 36″, com “Loin de Paname”
“Nine”, com “Take It All”
“Crazy Heart”, com “The Weary Kind” - VENCEDOR
Melhor documentário de longa-metragem“Burma VJ”
The Cove” - VENCEDOR“Food, Inc”
“The Most Dangerous Man in America”
“Which Way Home”
Melhor documentário de curta-metragem
“China’s Unnatural Disaster: The Tears of Sichuan Province”
“The Last Campaign of Governor Booth Dardner”
“Music by Prudence” - VENCEDOR
“Rabbit à la Berlin”


E você o que achou dos vencedores? Comente!

3 comentários:

Nekas disse...

Já ouvi falar mal da Cerimónia mas ainda não vi...

Quanto aos vencedores - previsível e maus vencedores.
Os Sacanas, onde andam eles? Que raio até no argumento perderam?

O Laço Branco também foi uma surpresa ao perder no melhor filme estrangeiro pois não perdeu para a maior concorrência!

Avatar ficou pelos 3 Óscares e The Hurt Locker dominou, injustamente, a cerimónia!

Abraço
Cinema as my World

Fernando disse...

premiação previsível e com momentos raríssimos de emoção. Que venha um Oscar 2011 muito melhor!

Rob Seixas disse...

quase tudo previsível, como de costume. O curioso, no caso de Guerra ao Terror, é o fato de ser um filme de 2008; portanto, deveria ter sido indicado no OSCAR 2009. Aliás, ainda não assiti ao filme, mas sei que existe em DVD aqui no Brasil, desde abril do ano passado. Muitas locadoras não deram atenção ao filme, e não compraram. Espero que agora não ajam de má fé em colocar o filme na prateleira dos "24 horas". É um absurdo!

agora, já que vc falou de John Hughes, não pudi deixar de notar: como a Molly Ringwald está envelhecida, hein? Abraços!

Postar um comentário